França: visitando Carcassone, Toulouse e Albi

      Nenhum comentário em França: visitando Carcassone, Toulouse e Albi
Carcassone : Cidadela à noite

Na temporada 2017, França, por duas vezes, esteve incluída em nosso roteiro. Viajando de trem, a partir de Madrid, com stops em Barcelona e em Figueres, fomos visitar, durante uma semana, três cidades que estão pertinho da fronteira espanhola: Carcassone, Toulouse e Albi. Posteriormente, em outra viagem dentro da viagem, acompanhei meu neto em Paris. 
Torres da Cidadela de Carcassone
Logo depois de Figueres – impossível andar nas proximidades e não rever Salvador Dalí ao menos por um dia –  fomos, Duda, Isolda e eu,  até Cerbère, cidade em que fizemos conexão para Carcassone,  destino escolhido com a finalidade de traçar a cidade e sua magnífica Cidadela. Escolha que se revelou acertadíssima.
Figueres : Museu Dalí

De Carcassone, viajamos  para Toulouse, a bela Cidade Rosa do Sul da França, a quarta maior do país e, conforme pesquisa publicada há poucos anos, o lugar onde nasceu Carlos Gardel, o famoso cantor de tangos. De Toulouse, fomos a Albi, que é chamada Cidade da Arte.

Toulouse : a Cidade Rosa

Cidade onde nasceu Georges Pompidou ( 1911-1973 ), presidente da República Francesa, e Henri de Toulouse-Lautrec ( 1864-1914 ), conhecido pintor que retratou magnificamente os prostíbulos de Paris, Albi tem estupenda arquitetura e bela localização geográfica, que serão mostradas e descritas em postagem própria.
Albi : a cidade de Toulouse-Lautrec

Visitamos essas três encantadoras cidades francesas – Carcassone, Toulouse e Albi – e retornamos, novamente de trem direto a Madrid. Cada uma delas terá, aqui no correndomundo, um post bem detalhado. 
Barcelona

Penso, no próximo ano, percorrer outras localidades  que estão próximas às já visitadas, como as medievais  cidades de CordesCastelnau de Montemiral e Bruniquel, assim como o povoado fortificado de Puycelsis. Nos meses de outubro e novembro, os roteiros para 2018 estarão sendo elaborados – e pensadas as condições necessárias para a execução deles. 
Madrid

” Bendito seja o mesmo sol de outras terras
Que faz meus irmão todos os homens
Porque todos os homens, um momento no dia, o olham como eu…”

Fernando Pessoa

Em Cerbère – conexão para Carcassone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *